sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Mundos Paralelos - Capítulo I - 1.8

1.8
Recém chegada à base orbital desde a Lua; a Selene III comandada pelo capitão norueguês Leif Stefansson e tripulada pelos doutores Nico Klinger, Eric Wilkins, Eva Klinger, Tamara Wilkins e Lina Antúnez; retornando à Antártida após uma missão no Hospital Lunar; estava atracando na doca.

– Seja bem vinda, Selene III! – radiou o operador da base orbital.

–É sempre bom voltar – disse Leif Stefansson – diminuindo velocidade agora.

–Confirme atracação na escotilha Dois.

Nesse momento a jovem médica alemã Eva Klinger entra na ponte:

–E então, Leif? Posso avisar o pessoal?

–Sim, Eva. Já alcanço vocês.

–Não demore ou deixamos você aí – disse Eva, sorridente, antes de passar para as dependências interiores da nave onde anunciou:

–Certo, pessoal! Chegamos em casa. Todos dentro dos trajes!
Em seguida, dirigindo-se ao médico australiano Eric Wilkins, que flutuava na sala de estar, com um livro de biologia espacial na mão, disse:

–E você, Eric? Ainda não acabou esse livro?

–Já, mas comecei de novo – respondeu ele – Já atracamos? Não senti nada...

Em seguida ouviu-se nos alto-falantes a voz do operador da base:

–Diminua agora, vamos estender o tubo de acoplamento.


(continua)
Clic nas imagens para aumentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderei a todos os comentários.
Não se acanhe por causa da moderação. Se gostou, comente. Se não gostou critique, mas critique com criatividade, assim pode ser que seu comentário permaneça no blog por tempo suficiente para todos verem.
(As opiniões dos comentários não necessariamente refletem as minhas e às vezes nem as do autor dos comentários...)