sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Mundos Paralelos - Abril de 1961 – época atual.

A década de 50 ficou para trás, junto com o descobrimento; pela estudante Zenja; discípula do professor Satrov, da Universidade de Leningrado; do crânio fóssil de Pru Atol Número Um em Sibéria. Seu descendente Pru Atol 7751 nunca saberá que os restos mortais que procurava estão na Terra, porque quando vê, desde sua base em Júpiter, a nave de Yuri Gagarin girando em torno do planeta azul; resolve informar e alertar seus amigos terrestres já estabelecidos nas luas de Júpiter, que seus mortais inimigos conseguiram subir para o espaço, embora em forma rudimentar; mas que se preparem; porque em algum tempo, talvez duas ou três gerações; seus inimigos terão condições de alcançá-los.
Em seguida resolve retornar a Milkar Prime, para colocar um fecho de ouro na sua gestão de 56 anos no Sistema Solar. Não voltará nunca mais, porém, na entrada da fenda espacial, entregará o disco de busca ao seu filho Pru Atol 7752; jovem cadete da Frota Estelar Imperial Milkara.
*******
Como sempre, clik na imagem para aumentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderei a todos os comentários.
Não se acanhe por causa da moderação. Se gostou, comente. Se não gostou critique, mas critique com criatividade, assim pode ser que seu comentário permaneça no blog por tempo suficiente para todos verem.
(As opiniões dos comentários não necessariamente refletem as minhas e às vezes nem as do autor dos comentários...)