sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Mundos Paralelos - Capítulo 9-9.16 -FINAL

9-9.16
A partida - 31 de dezembro de 2013.

A noite do fim de ano foi memorável.
Celebraram a entrada do ano 2014 de forma inesquecível. 


 Beberam à aventura que ia se iniciar. A mudança de ano foi celebrada de várias maneiras, conforme as crenças e estados de ânimo. 




A iminente partida era um efeito catalisador dos espíritos. 
O ponto de referencia de todos mudara; dos que embarcariam na aventura e dos que ficariam.

Não era a velha Terra, senão o planeta conquistado, o planeta vermelho, que mexia com a imaginação de todos, desde crianças.

À hora zero do ano 2014, a Hércules soltava o freio e saía disparada pela pista vermelha de areia endurecida com espantoso barulho, que aos poucos foi apagando-se na distância. A Jornada para Júpiter começava.






Quando Dheimos fosse ultrapassado, Aldo estabeleceria o rumo, desligaria os motores e a Hércules prosseguiria por inércia; perdendo-se no negro espaço, controlada pelo seu piloto automático.





Lá embaixo, uma jovem japonesa com suas delicadas mãos e o belo rosto coberto de lágrimas, colados na janela do alojamento, observava com seu coração destroçado, como a nave se elevava, diminuindo de tamanho até converter-se numa pequena estrela.





E ficou com seu rosto colado à janela até que a estrela se fez cada vez menor, até perder-se de vista no límpido céu de Marte.





 
Vamos caminhar olhando para cima
Para que as lágrimas não caiam
Lembro-me do dia de primavera
Aquela noite completamente sozinho.

Vamos caminhar olhando para cima
Nesse caminho contando as estrelas
Lembro-me do dia de verão
Aquela noite completamente sozinho.

A felicidade em cima das nuvens
A felicidade em cima do céu
 
Vamos caminhar olhando para cima
Para que as lágrimas não caiam
Enquanto eu te acolho eu caminhava
Aquela noite completamente sozinho.

Lembro-me do dia de outono
Aquela noite completamente sozinho
 
O sofrimento fica atrás das estrelas
O sofrimento fica atrás do céu

Vamos caminhar olhando para cima
Para que as lágrimas não caiam
Aquela noite completamente sozinho.
Aquela noite completamente sozinho.

*******.

FIM DO PRIMEIRO VOLUME DA FASE UM
*******.

Mundos Paralelos ® – Textos: Gabriel Solis - Arte: André Lima.

Compre Mundos Paralelos volume 1 clicando aqui.