sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Mundos Paralelos - Capítulo I - 1.14

1.14

–Algo lançaram para fora, Aldo. Parece um corpo. Será que mataram alguém?
–São capazes de tudo.
Aldo aplicou os freios e a nave diminuiu sua velocidade até deter-se. Boris equipou-se e saiu para resgatar o corpo antes que se afastasse demais.
–Aldo, é Eva! Está viva!
–Traga-a para bordo, rápido. Eles estão se afastando.

*******.

–Detiveram-se para resgatar Eva – disse Leif.
–A idiota nos fez um favor – disse Morris –Joguem fora a outra garota!
–Não! – gritou Leif, com a esperança de que o fizessem.
–Fique quieto, capitão, continue pilotando, não a mataremos.
–E a nossa diversão? – disse James.
–Temos mais o que fazer do que transar com uma rebelde! – respondeu o líder dos criminosos aos seus capangas decepcionados.
Tamara estava no espaço e a Antílope a recolheu. Quando Eva e Tama estiveram em segurança, Aldo acelerou e as garotas foram para a ponte.
–Como está a situação a bordo da Selene III?
–Péssima – disse Tama Wilkins – Vão para a base militar Número Um.
–A reunião de cúpula! – gritou Aldo – Inge! Tenta fazer contato com o general Preissler, que se coloquem em alerta!
–Lúcio, nosso pai está na base! – exclamou Regina, com o pavor refletido no seu belo semblante.
–O nosso também! – gritou Bárbara.

*******





(Continua) Click nas imagens para aumentar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderei a todos os comentários.
Não se acanhe por causa da moderação. Se gostou, comente. Se não gostou critique, mas critique com criatividade, assim pode ser que seu comentário permaneça no blog por tempo suficiente para todos verem.
(As opiniões dos comentários não necessariamente refletem as minhas e às vezes nem as do autor dos comentários...)